Skip to main content

História da União Europeia 1945-59

A paz na Europa e os primórdios da cooperação

Com o objetivo de pôr termo aos conflitos frequentes e sangrentos que culminaram na Segunda Guerra Mundial, os políticos europeus iniciam o processo de construção do que hoje conhecemos como União Europeia.

A Comunidade Europeia do Carvão e do Aço, fundada em 1951, é o primeiro passo para garantir uma paz duradoura. Em 1957, o Tratado de Roma institui a Comunidade Económica Europeia (CEE) e uma nova era de cooperação cada vez mais estreita na Europa. No entanto, este período também conta com a emergência da Guerra Fria que divide o continente por mais de 40 anos.

8 de maio de 1945 — fim da Segunda Guerra Mundial na Europa

A Segunda Guerra Mundial termina na Europa. O continente encontra-se devastado. Milhões de pessoas morreram, ficaram feridas ou estão deslocadas. Seis milhões de judeus foram assassinados no Holocausto.

4 de abril de 1949 — criação da NATO

É criada a Organização do Tratado do Atlântico Norte (OTAN), uma aliança intergovernamental de segurança entre os Estados Unidos, o Canadá e 10 países da Europa Ocidental. Em 2020, a NATO tem 30 membros, incluindo 21 dos países da UE.

5 de maio de 1949 — criação do Conselho da Europa

10 países da Europa Ocidental criam o Conselho da Europa para promover a democracia e proteger os direitos humanos e o Estado de direito. A Convenção Europeia dos Direitos do Homem entra em vigor em 3 de setembro de 1953.

9 de maio de 1950 — Um plano para uma nova cooperação política na Europa

Robert Schuman, ministro francês dos Negócios Estrangeiros, apresenta um plano para uma cooperação mais estreita, que propõe a integração das indústrias do carvão e do aço da Europa Ocidental. Mais tarde, o dia 9 de maio é celebrado pela União Europeia como o «Dia da Europa».

18 de abril de 1951 — Comunidade Europeia do Carvão e do Aço

Com base no plano Schuman, seis países assinam um tratado para colocarem as suas indústrias pesadas – carvão e aço - sob um sistema de gestão comum. Desta forma, ao contrário do que aconteceu no passado, nenhum destes países pode, por si só, fabricar armas de guerra para atacar os outros. Estes seis países são a Alemanha, a França, a Itália, os Países Baixos, a Bélgica e o Luxemburgo. A Comunidade Europeia do Carvão e do Aço entra em funções em 1952.

25 de março de 1957 — tratados de Roma

Encorajados pelo êxito do Tratado que institui a Comunidade Europeia do Carvão e do Aço, os seis países fundadores alargam a sua cooperação a outros setores económicos. Formalizam-no através da assinatura de dois tratados, que instituem a Comunidade Económica Europeia (CEE) e a Comunidade Europeia da Energia Atómica (Euratom). Estes organismos entraram em funções em 1 de janeiro de 1958.

19 de março de 1958 — nascimento do Parlamento Europeu

A primeira reunião da Assembleia Parlamentar Europeia, antecessora do Parlamento Europeu de hoje, realiza-se em Estrasburgo, França, com o Presidente eleito Robert Schuman. Substitui a Assembleia Comum da Comunidade Europeia do Carvão e do Aço e altera o seu nome para Parlamento Europeu em 30 de março de 1962.